A academia de Deus está aberta para novos atletas. Há suor, dores, mas também há força e crescimento. Junte-se à nós, leia e pratique esses 5 exercícios!

Um jovem na academia 

A preocupação com a saúde hoje está generalizada e pensando em cuidar do corpo físico, muitas pessoas estão aderindo às academias. O que é uma academia? A academia é um ambiente com vários aparelhos de ginástica e com professores. Esse ambiente existe para proporcionar o exercício de todos músculos e garantir melhor saúde para as pessoas que a frequentam.

Recentemente, depois de ficar quase 7 anos parado, um jovem resolveu voltar a fazer academia. Nas primeiras semanas tudo foi sofrimento, pois, após os primeiros exercícios, mesmo com uma carga leve, os músculos do corpo, desacostumados, fornecem uma resposta negativa: eles ficam doloridos. De fora a situação parecia extremamente cômica. O jovem sequer conseguia esticar os braços e reclamava de dor até mesmo diante de tapinhas nas costas ou nos braços quando os seus amigos o cumprimentavam.

academia

Quem vê esse sorriso esquece que depois vem uma dorzinha muscular… hehehe… ;-D

Porém, passados alguns dias, a dor sumiu! Uau! Esse jovem agora estava se sentindo super bem. Outra coisa também lhe aconteceu: o esforço para levantar os pesos diminuiu! Resultado: o jovem se sentia mais forte. Um terceiro fator também foi colocado em jogo: o jovem agora percebia que seu corpo começava a mudar. Os músculos estavam ganhando volume e se destacando!

Então, depois disso, outro ponto marcante foi sua primeira troca de treino. Para quem não sabe, a troca de treino é o momento em que o aluno da academia senta com o professor para que este mude os exercícios. Os novos exercícios servirão para garantir que haja uma mudança na rotina e que os músculos se desenvolvam mais ainda.

Sabe o que aconteceu depois da troca de treino?! Dor. Mais uma vez, a dor apareceu. Contudo, passados alguns dias, todos os benefícios foram colhidos: a dor sumiu; o jovem se sentiu mais forte; os músculos cresceram.

Nesse ponto, talvez você esteja se perguntando: como essa história se relaciona com Deus?! Vou te responder isso agora…

A academia de Deus e seus benefícios

Jovem, Deus também tem uma academia. Deus possui um ambiente em que crescemos e nos tornamos mais fortes. Esse ambiente é a Igreja. Gostaria que você soubesse que, ao apresentar a Igreja dessa forma, tenho grande respeito por todos os tradicionais aspectos com que a Igreja é apresentada. Porém, para esse texto fazer sentido, tenho que apresentar a Igreja como uma academia.

Sabe… Deus tem um sonho! Esse sonho é estabelecer Seu reino na terra. Para cumprir esse desejo, é essencial a participação do homem. Para o homem participar, é necessário que esteja equipado com as ferramentas de Deus. É na academia, ou seja, na Igreja, que Deus, como proprietário e como professor, nos ensina a exercitar o espírito para receber mais da vida de Deus e se tornar forte, crescido.

Isso somente é possível porque, no princípio, ao formar o homem do pó da terra, Deus soprou em suas narinas o fôlego de vida. Esse sopro de Deus, segundo a versão original da Bíblia, se chama neshamah (Gn 2:7). Essa palavra, em várias outras passagens bíblicas é utilizada para se referir ao Espírito de Deus. Deus é espírito (Jo 4:24) e para contatá-lo, necessariamente, temos que ter um espírito. Assim, quando Deus soprou seu Espírito para dentro do homem, então foi formado o espírito do homem (Ts 5:23).

Já que nosso espírito foi formado pelo Espírito de Deus, então precisamos recebê-lo dia após dia em nosso interior. Quando essa vida de Deus entra em nosso espírito pela primeira vez, então somos salvos. Mas, depois disso, a cada vez que ela se acrescenta somos mais salvos ainda (Rm 5:10)!

Imagine: a vida e o espírito de Deus são como o sangue que é bombeado quando nos exercitamos. Esse sangue traz nutrientes que mantém a saúde do corpo e seu bom funcionamento. É o sangue que fornece o alimento que garante o crescimento e também é o sangue que tira a nossa dor.

academia

Nosso sangue é composto por Espírito e Vida!

Quando temos contato com a academia, os exercícios são realizados, temos alguma dor, mas em compensação, surge força e crescimento para os músculos. Nosso maior músculo é o espírito. Na Igreja, Deus está treinando essa parte do nosso ser. No entanto, temos ainda nossas opiniões fortes, nossa mesquinhez, nossa chatice natural, nossos pensamentos ultrapassados, nossa vontade estragada e nossas emoções descontroladas. Quando exercitamos o nosso espírito na academia de Deus, a dor que surge significa que essas coisas foram balançadas!

Ao exercitar o espírito, nossas opiniões fortes, nossa mesquinhez, nossa chatice natural, nossos pensamentos ultrapassados, nossa vontade estragada e nossas emoções descontroladas – todas essas coisas são balançadas! Elas aparecem e geram dor porque são negativas. Mas, graças a Deus, à medida que a vida circula, que o sangue é bombeado e que mais espírito se acrescenta à nós, essas coisas negativas são retiradas e o crescimento aparece! Exercite seu espírito! Deixe a vida fluir e, no lugar das coisas negativas, você terá o crescimento proveniente da vida de Deus!

Hei, jovem, aproveita agora, seleciona essa parte negritada acima e envia para alguém pelas redes sociais. Assim que você selecionar, vão surgir botões das principais redes sociais…

Nesse contexto, tenho uma nova pergunta: você sabe quais são os 5 principais exercícios da academia de Deus?! Vou explicar agora…

Os 5 principais exercícios da academia de Deus

Os 5 principais exercícios da academia de Deus são 5 práticas que levam a vida de Deus a se movimentar em nosso interior. Esses 5 exercícios fazem o espírito ser exercitado, ajudam no aumento da força espiritual e no crescimento espiritual. Esses 5 exercícios são os seguintes:

  1. Invocar;
  2. Ler a palavra de Deus e livros espirituais;
  3. Orar;
  4. Ruminar a palavra, meditando em seu conteúdo;
  5. Profetizar a palavra, falando seu conteúdo em todas as oportunidades que existirem.

Esses exercícios são conhecidos como I-L-O-R-P. Vamos ver uma pouco mais sobre cada uma delas?!

1. Invocar

Esse vídeo acima mostra o que é invocar o nome do Senhor. Essa foi uma forma muito gostosa praticada na última conferência de jovens (julho/2015), porque chamamos Deus de várias formas diferentes.

Abaixo você encontra um áudio para lembrar desse momento da conferência:

Já vimos a prática que é o que mais importa. Vamos à definição?!

Invocar é chamar o nome do Deus para ter sua presença, entrar no espírito e receber salvação. A Bíblia diz que ninguém fala “Senhor Jesus” senão pelo espírito (1 Co 12:2) e que todo aquele que invocar será salvo (Rm 10:13). Ao invocar, inspire o nome do Senhor como vida, alegria, paz e encorajamento e expire os medos, tristezas e angústias. Faça-o em qualquer hora e lugar, várias vezes por dia.

Quer saber mais sobre o assunto?! Veja esse vlog:

2. Ler

É para conhecer a Deus e crer nele. Sem palavra nos corrompemos e acabamos perecendo (Pv 29:18), porque a palavra é luz e nos capacita a guardar nossos caminhos puros (Sl 119:105). Como diz o refrão de um hino conhecido em nosso meio:

Sem Palavra, o Seu povo
Se corrompe.
Mas, ao achá-la,
Prospera em seu viver.

3. Orar

É conversar com Deus. Dom muito espontâneo de todos os salvos, a oração vem antes de tudo (1 Tm 2:1) como um momento que falamos a respeito dos benefícios e interesses de Deus, suplicamos por nossas necessidades, intercedemos por outros e agradecemos pelo que temos recebido. Nosso modelo de oração está em mateus 6:9-11. “santificado seja o teu nome; venha o teu reino; faça-se a tua vontade” são os três pontos principais.

Orar versículos é uma maneira eficaz de encher o espírito. Orar ler significa transformar um versículo em oração. Isso é pouco comum e traz muitos benefícios. Selecione um versículo, use como inspiração para sua oração e experimente um falar novo vindo de Deus!

4. Ruminar

É revisar, rever a palavra para ao pensar e orar o conteúdo tudo seja aproveitado. Mastigamos o alimento para retirar todos nutrientes, assim também devemos ruminar para desfrutar mais vida. Também significa meditar na palavra. Quando meditamos, ou seja, pensamos naquilo que Deus está dizendo, então Ele nos concede compreensão de tudo!

Uma jovem que também escreve dentro do Blog compartilhou que leu uma passagem na Bíblia e passou 6 meses tentando ter compreensão! Isso mesmo: 6 meses meditando, ruminando! Depois desse período, em uma das sedes do Bookafé, a irmã encontrou um livro, começou a ler e a passagem estava explicada naquele trecho! Imagine! Isso é algo maravilhoso e também pode acontecer com você!

Como 2 Tm 4:7 diz:

Pondera no que acabo de dizer, porque o Senhor te dará compreensão em todas as coisas. (Selecione a frase ao lado e compartilhe nas redes sociais!)

5. Profetizar

É falar por Deus. Na igreja quando compartilhamos da mensagem ou experiências pessoais edificamos a nós mesmos e aos irmãos. Ao falar sobre os dons espirituais, Paulo coloca em primeiro lugar os dons que envolvem falar palavras de sabedoria e de entendimento (1 Co 12:8) pelos serviços de apóstolo, profeta e mestre (v. 28).

Devemos procurar com zelo pelos dons espirituais, mas principalmente profetizar (14:1), porque ao falar por Deus edificamos, exortamos e consolamos aos homens (v. 3). Há oportunidade para todos. Ao falar também aprendemos mais do senhor, ou seja, nos edificamos (v.31).

Jovem, fale por Deus. Fale por Deus na igreja pregando a palavra, dando testemunho, falando para crianças. Fale por Deus em seu dia a dia na escola, em casa, na família, com os amigos, com os desconhecidos. Fale por Deus!

Querido jovem, desejo que você tenha sido tocado por este texto e que você perceba que temos exercícios simples e práticos para fazer nosso sangue espiritual circular e aumentar nossa força! Lembre-se de se exercitar todos os dias: invoque, leia, ore, rumine e profetize. Deus te abençoe!


Seja generoso: compartilhe nas redes sociais!

Queremos ouvir você falar… Deixe seu comentário respondendo a seguinte pergunta:

Qual dos 5 exercícios é o mais fácil de se praticar?

Deixe seu comentário