Davi foi considerado um homem segundo o coração de Deus (Atos 13:22). Você pode estar pensando: “Nossa, ele não deveria pecar nunca!” Pois é, jovem, isto é um ledo engano. Veremos neste texto os dois grandes segredos de Davi para ser considerado um homem tão especial para Deus.

Muitos conhecem Davi somente pela sua ousadia em lutar contra Golias, não é verdade? Mas saiba que assim como qualquer ser humano, ele teve seus momentos de fraqueza também.

“Decorrido um ano, no tempo em que os reis costumam sair para a guerra, enviou Davi a Joabe, e seus servos, com ele, e a todo o Israel, que destruíram os filhos de Amom e sitiaram Rabá; porém Davi ficou em Jerusalém. Uma tarde, levantou-se Davi do seu leito e andava passeando no terraço da casa real; daí viu uma mulher que estava tomando banho; era ela mui formosa. Davi mandou perguntar quem era. Disseram-lhe: É Bate-Seba, filha de Eliã e mulher de Urias, o heteu. Então, enviou Davi mensageiros que a trouxessem; ela veio, e ele se deitou com ela. Tendo-se ela purificado da sua imundícia, voltou para sua casa. A mulher concebeu e mandou dizer a Davi: Estou grávida.” (2 Samuel 11:1-5). Esse foi um dos fatos que mais marcaram negativamente a vida de Davi.

Por vezes passamos por situações adversas que nos surpreendem, não é verdade? Muitas vezes nos apoiamos em nossa vida espiritual, em nossa vida de buscar ao Senhor e nos esquecemos que o espírito está pronto, mas a carne ainda não está. Ela é fraca (Mateus 26:41). E é contra ela que devemos lutar todos os dias, esmurrando nosso corpo (1 Coríntios 9:27).

Por um descuido, Davi praticou um pecado grosseiro: adultério (Mateus 5:27)! Você deve estar pensando, “Mas ainda assim ele foi considerado um homem segundo o coração de Deus?!” Sim, jovem! Ele foi. E aliás: O Senhor já sabia dos acontecimentos de sua vida antes dele nascer (Efésios 1:4).

Após tal fato na vida de Davi, Deus enviou Natã para confrontá-lo sobre o pecado que ele havia cometido (2 Samuel 12:1-14). Ele contou a história de um homem pobre que perdeu sua única ovelha por causa da ambição do vizinho rico. Davi imediatamente ordenou que castigasse o homem por sua maldosa atitude. Porém Natã disse: “Você é esse homem!”  (2 Samuel 12:7). Ele o acusou de pecar contra Deus e contra Urias, por “roubar” sua única mulher.

“Então Davi disse a Natã: “Pequei contra o Senhor!” (2 Samuel 12:13).

1.º Segredo de Davi: Ele confessou seu erro por meio de Natã.

O Salmo 51 descreve o profundo remorso e tristeza de Davi para com o pecado que cometera.

2.º Segredo de Davi: Além de reconhecer o seu erro, ele se voltou a Deus com um coração quebrantado e arrependido.

“Compadece-te de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade;  e, segundo a multidão das tuas misericórdias, apaga as minhas transgressões. Lava-me completamente da minha iniquidade e purifica-me do meu pecado” (Salmos 51:1,2).

Assim como Davi, todos estamos sujeitos a pecar. Mas saiba de uma coisa, jovem: Somente confessando nossos pecados é que seremos limpos e nos tornaremos um instrumento preparado para ser usado pelo Senhor. 

“Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça” (1 João 1:9).

A confissão dos nossos pecados traz luz e sabedoria diante do Senhor. Por isso, amado jovem, tenha sempre a preocupação de santificar seus atos e consultar o Senhor antes de qualquer coisa. Sempre quando for decidir fazer algo tenha a prática de fazer duas perguntas antes: “Jesus iria comigo a esse lugar? Jesus faria o que eu estou fazendo?” Exercite a prática de conversar com Ele por meio da oração e grandes coisas Ele  mostrará a você e, assim, fará de você alguém segundo o coração Dele!

Repita essa oração: “Senhor, reconheço que sou fraco(a),  que estou sujeito a pecar da mesma forma que Davi. Por isso, Senhor, me ensina todos os dias a depender de Ti. Me ensina a alcançar um coração sábio. Te amo, Jesus!”.  

Deixe seu comentário