Olá, jovem! Estamos chegando ao final da nossa série. Nesse momento ocorre uma mistura de sentimentos: alegria por estarmos completando mais uma série de artigos, que cremos ter te ajudado muito; e tristeza por ela estar chegando ao fim. Mas, fique tranquilo, ainda há mais alguns textos nesta série para desfrutarmos!

Em nosso post anterior, abordamos o assunto: Redes Sociais – Como utilizar para Deus e ser você mesmo. Se você ainda não leu, então leia esse texto instruidor. Nós, como cristãos, precisamos estar vigilantes a todo tempo, pois  as redes sociais contribuem para uma vida social mais ampla e de maior contato com as pessoas.

Neste texto, falaremos sobre o jugo desigual, um assunto muito importante.

O que a Bíblia fala sobre jugo desigual?

Uma característica marcante da sociedade em que vivemos é: a todo momento, estamos nos comunicando com pessoas de todos os tipos e lugares. Nós, como cristãos, devemos ser vigilantes com relação às pessoas com quem temos contato, pois, se não formos, corremos o risco de desenvolver um relacionamento em jugo desigual.

E esse relacionamento em jugo desigual é especialmente perigoso quando toma a forma de um relacionamento amoroso. Relacionamentos amorosos em jugo desigual prejudicam nosso viver com Deus, pois essas pessoas com quem nos relacionamos…

  • São incrédulas e, além de não acreditarem, também zombam e desprezam a existência de Deus.
  • São crentes, mas não possuem um viver consagrado como o nosso.

Essas duas situações exemplificam o jugo desigual.

Antes de falarmos sobre o que é o jugo desigual, leia 2 Coríntios 6:14- 18, que é o texto bíblico que  Paulo apresenta o assunto:

“Não vos ponhais em jugo desigual com os incrédulos; porquanto que sociedade pode haver entre a justiça e a iniquidade? Ou que comunhão, da luz com as trevas? Que harmonia, entre Cristo e o Maligno? Ou que união, do crente com o incrédulo? Que ligação há entre o santuário de Deus e os ídolos? Porque nós somos santuário do Deus vivente, como ele próprio disse: Habitarei e andarei entre eles; serei o seu Deus, e eles serão o meu povo. Por isso, retirai-vos do meio deles, separai-vos, diz o Senhor; não toqueis em coisas impuras; e eu vos receberei, serei vosso Pai, e vós sereis para mim filhos e filhas, diz o Senhor Todo-Poderoso.”  

Somos filhos de Deus e precisamos estar atentos com quem nos relacionamos. Nosso propósito é estar em jugo igual, ou seja, estar ao lado de pessoas que possuem a mesma meta que nós e que nos levam adiante.

Estar em jugo desigual é algo ruim para nossa vida humana e espiritual. Vamos entrar mais um pouco nesse assunto?

O que é jugo desigual?

No trecho da bíblia apresentado acima, vemos a expressão “jugo desigual”. O que é um jugo? Você sabe?

Jugo é um pedaço de madeira usado para unir bois, ou outros animais, um ao lado do outro, para que estes possam arar o campo, como ilustrado na figura a seguir. Para tal,  eles precisam estar em sintonia, no mesmo ritmo, com a mesma meta. Ou seja, o jugo representa a união, onde um for, o outro o acompanha, uma vez que estão ligados por esse pedaço de madeira.

jugo desigual

Imagino que unir dois animais grandes, como os bois, e fazê-los seguir a mesma linha e andar lado a lado com o mesmo objetivo não seja algo fácil.

Agora, imaginem unir um boi a um jumento, por exemplo, ou a um cavalo. Seriam animais diferentes, de portes diferentes, criados de maneiras diferentes, cada um com uma função diferente trilhando o mesmo caminho. O boi, talvez esteja acostumado a arar a terra, porém para o jumento, por exemplo, isso é novidade.

Será que eles teriam sintonia? Será que essa união daria certo? O objetivo do jumento é o mesmo que o do boi?

Certamente não teriam sintonia e a união não daria certo. Isto é o que chamamos de jugo desigual.

Um pequeno exemplo que sempre me ajudou a visualizar de maneira mais real essa questão do jugo desigual é o seguinte. Imagine que você, cristão, está em cima de um pequeno banco de madeira e vê sua pessoa amada ali no chão, olhando para você. Então, você segura a mão dessa pessoa e a chama para subir com você naquele pequeno banco. O que é mais fácil? Você puxar essa pessoa para cima ou ela te puxar pra baixo? O que acontece na maioria das vezes é que ambos acabam caindo.

Esse banco pode ser representado como sendo:

  • o seu viver na igreja hoje,
  • a sua comunhão pessoal com Deus,
  • o seu desfrute espiritual,
  • o seu viver para Cristo,
  • a sua busca,
  • seu exercício dos dons e ministérios,
  • seu serviço ao Senhor.

Tudo isso pode se perder com apenas um relacionamento com a pessoa diferente de nós. E, fique atento, pois essa pessoa errada, também pode ser uma pessoa cristã, que reúne na mesma igreja que você, inclusive. Não precisa, necessariamente, ser uma pessoa incrédula.

Como assim? Mesmo me relacionando com uma pessoa cristã corro risco de estar em jugo desigual? Sim…

O jugo desigual também pode existir no relacionamento entre dois cristãos

É possível que mesmo em um relacionamento amoroso de dois cristãos, exista o jugo desigual. Basta que um deles não tenha a mesma consagração e meta cristã que o outro. Basta que um cristão que tem um viver espiritual saudável esteja junto de um cristão que não tem um viver espiritual saudável.

Hoje, muitos cristãos não têm um viver espiritual saudável. Vão às reuniões, cultos, conferências ou retiros, mas não têm uma comunhão íntima com Deus, não têm um viver consagrado. 

Por isso, atente para a saúde do seu relacionamento com Deus. Jovem, antes de ter um relacionamento humano com alguém, aprenda a se relacionar com Deus. Busque primeiro o Reino e a Justiça de Deus, e todas as coisas, inclusive seu futuro cônjuge, será acrescentado (Mateus 6:33).

Jovem, cuide de seu relacionamento com Deus e, depois, vá em busca de alguém que possui um relacionamento saudável com Deus. Quando você e a pessoa com quem se relaciona mantem um viver saudável em Cristo, então, ambos estão em jugo de igualdade e a prosperidade no amor se torna mais fácil. #SaiForaDoJugoDesigual

Como identificar e sair do jugo desigual?

Para identificar se você vive uma situação de jugo desigual, reflita a se a meta do seu relacionamento é a de que ambos possam ser úteis ao Senhor e reinem com Ele. Reflita se você e a pessoa com quem se relaciona possuem a mesma saúde espiritual que permita alcançar sua verdadeira meta nessa terra: viver por Cristo e exercer sua autoridade.

Se você se encontra em um relacionamento em jugo desigual, então ore ao Senhor e peça a luz, para que Ele te mostre qual o melhor caminho para sair dessa situação.  Entrega o teu caminho ao Senhor e deixe que a paz que vem de Cristo seja o árbitro no seu coração (Salmos 37:5; Colossenses 3:15). Busque também orientação dos líderes da igreja.

Bons relacionamentos entre casais são construídos em jugo de igualdade

Um relacionamento amoroso não é algo tão lindo e perfeito como nos filmes de romance. Na verdade, todos sabem, um relacionamento amoroso exige:

  • comprometimento,
  • cuidado,
  • responsabilidade,
  • aprendizado.
  • vencer o orgulho,
  • negar a si mesmo,
  • ceder,
  • evitar as brigas.

Quando Deus está acima do relacionamento e a busca espiritual de ambos é forte, os problemas se resolvem na luz do Senhor.

Eis o poder secreto do jugo de igualdade: dissolver os problemas de um casal diante da luz, da vida e do amor de Deus. 

Lembre: se as duas pessoas que se relacionam buscam o Senhor em igual intensidade, maior será o crescimento de vida do casal. Ao seguir o Espírito, mais paciência, amor e cuidado serão gerados. E, por consequência, o relacionamento será fortalecido.

Por essa pessoa ter a mesma meta que você, que é Reinar com Cristo, ela se tornará seu companheiro espiritual. Vocês se apascentarão, mandarão versículos um para o outro, orarão pela vida e situações um do outro, incentivarão a ler livros espirituais e a se alimentar de Cristo.

Vocês serão companheiros na tribulação, no reino e na perseverança (Apocalipse 1:9) e a família de vocês servirá ao Senhor. Seus filhos e filhas, netos e netas, estarão sobre o cuidado do Senhor e serão ensinados a ter o mesmo viver  e caminho que vocês.

Jovem, ore ao Senhor:

  1. primeiramente, para que você possa ter um relacionamento firme e estável com Deus; e
  2. depois, para ter um relacionamento com alguém que busca e ama à Ele acima de tudo.

Em nome do Blog Eu Vos escrevi, desejo que os relacionamentos amorosos atuais e futuros de cada jovem sejam em jugo de igualdade (inclusive o meu futuro relacionamento 🙂 ).

Conclusão

Entendo que muitas vezes a espera parece interminável. Você perde a esperança e as coisas no mundo parecem mais fáceis, mas creia que Deus, o seu Pai, te ampara! Talvez você até se questione: há esperança para mim?

Sim… há esperança!

E vale a pena tomar posse dessa esperança.

Vale a pena esperar. Vale a pena se consagrar ao Senhor. Vale a pena desenvolver uma vida espiritual saudável. Vale a pena ter ao lado uma pessoa com uma vida espiritual saudável. Por isso, consagre todos os aspectos da sua vida, principalmente o seu casamento.

Ore ao Senhor para lhe ensinar a esperar o tempo de Deus para que isso ocorra. Lembre que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus (Romanos 8:28) e até lá intensifique sua busca ao Senhor:

  • sirva na sua localidade,
  • ajude os irmãos e jovens ao seu redor,
  • seja companheiro espiritual de alguém.

Creia que tudo já está preparado e dê esse voto de fé ao Senhor. Tudo tem o seu tempo determinado e há tempo para todo propósito debaixo do céu (Eclesiastes 3:1).

Deus prova o nosso coração através da espera. Confie, creia, tenha fé! Deus te ama muito e te dará o melhor. O que é seu, o Senhor já separou! Não busque algo fora do plano de Deus. O que vem de Cristo é muito melhor, porque é santo e perfeito! Deus deseja um relacionamento em jugo de igualdade para você! 😉


Querido leitor, leia outros textos da nossa série como: “A Importância de se ter amigos na Igreja em 8 lições” e 5 lições concretas e práticas para conversão dos pais”.

Se você gostou do texto, lembre-se de compartilhar nas suas redes sociais.

Além disso, queremos saber sua opinião a respeito deste texto por meio de um comentário abaixo. Lemos todos os comentários e respondemos sempre que possível. Esperamos sua participação. 🙂

Acesse outros textos da série:

Jesus é o Senhor! Até o próximo post. 🙂